Oração do servo imperfeito

Senhor!…
Dura é a pedra, entretanto, com a Tua sabedoria, temo-la empregada nas obras de segurança.
Violento é o fogo, todavia, sob a Tua inspiração, foi ele posto em disciplina, em auxílio da inteligência.
Agressiva é a lâmina, no entanto, no influxo de Teu amparo, a vemos, piedosa, na caridade da cirurgia.
Enfermiço é o pântano, contudo, sob Tua benevolência, encontramo-lo convertido em celeiro de flores.
Eu também trago comigo a dureza da pedra, a violência do fogo, a agressividade da lâmina e a enfermidade do charco, mas com a Tua bênção de amor posso desfrutar o privilégio de cooperar na construção do Teu reino!…
Para isso, porém, Senhor, concede-me, por acréscimo de misericórdia, a felicidade de trabalhar e ensina-me a receber o dom de servir.

Albino Teixeira


Índice
Início