Vida e destino

Eu sou a porta das ovelhas. Todos os que vieram antes de mim, são ladrões e salteadores. Eu sou a porta: se alguém entrar por mim, será salvo; e entrará e sairá e achara pastagem. O ladrão não vem senão furtar, matar e destruir; eu vim para que as ovelhas tenham vida e a tenham em abundância. (João X, 8-10.)

A vida é uma luta acérrima, um caminhar incessante para a realização do destino. O destino é a luz que, quanto mais dela nos aproximamos, mais clareia e realça os horizontes da vida.
A vida material tem nascente e ocaso: nasce com as carícias promissoras da aurora; morre abafada nas trevas da noite!
E a vida nasce e renasce tantas vezes quantas são as areias do mar e os átomos do ar!
Na Terra imperam as alternativas: o dia estende seu luzente lençol de gaze, iluminando, aos olhos humanos, as belezas da Natureza; a noite obumbra as alegrias e as esperanças com o seu manto tenebroso.
No alto fulgem estrelas, mas se avolumam nuvens; ora, a aragem derrama fluidos nas pétalas das rosas e dos jasmins, perfumando a atmosfera; ora, estrugem os raios concentrando a seiva das plantas no caule trêmulo de terror!
Nas fases tão diversas da vida terrestre, à pureza dai ma sucedem as paixões malsãs, e, a estas, a enfermidade e a velhice acabrunhadora.
Enquanto louras crianças correm e folgam nos prados atapetados de musgos e sombreados por arvoredos, e os moços fascinados pelas grandezas e dominados pela volúpia embrenham-se nos tremedais, os velhos e desvalidos curvados ao peso dos anos e das dores, caminham para o túmulo na esperança do renascimento!
Na alegria e na tristeza, na abastança e na miséria, na velhice e na mocidade, na saúde e na enfermidade, na sabedoria e na ignorância, na vida e na morte, o Espírito pode paralisar a sua marcha ascensional para a Verdade, mas não se exime do seu destino!
Nas encostas das montanhas também raiam claridades e descem chispas luminosas.
A luz do destino projeta auroras do nascimento à morte e realça, na sua plenitude, os horizontes da Vida Eterna.
Tenhamos fé: a vida é luta acérrima para a conquista da perfeição; o destino é grandioso e acena com promissoras felicidades. Tudo caminha para a luz!
No caminho palmilhado pelo Cristo, brilham as verdades precursoras do destino; Ele é a Luz que clareia aos homens o roteiro da perfeição; nele está a Vida de todas as grandes almas; Ele é o caminho, a Verdade e a Vida; Ele nos guia para o destino e o destino é a Vida Eterna, onde reinam as mais perenes felicidades.
Tenhamos fé e caminhemos na Luz da Vida pelo caminho traçado por Jesus; Bom Pastor, ele quer que tenhamos vida, e no-la dá em abundância!