Com uma estrela no coração

Um dos seguidores de Cristo, tão sincero quanto destemido na propagação do cristianismo nascente, é chamado à frente de César:
— Onde está o homem do Caminho, o Filho do Carpinteiro, o teu Cristo?
Ergue-se o mártir e, apontando para o coração diz: está aqui.
E César, arrogante e terrível, tocado no seu orgulho:
— Arranquem-lhe, então, o coração…
E o Chico vê instantes depois, iluminando-lhe o ambiente o Espírito do mártir trazendo na altura do coração uma Grande Estrela!

Ramiro Gama